21 de jan de 2008

VIOLETAS DOURADAS










VIOLETAS DOURADAS


Plantar violetas
nos olhos do sol
ficar assim, mais bonita
despertar borboletas;
perfumar o lençol,
guardar velhos sonhos;
tirar plumas dos olhos
fechar gavetas
abrir a verdade
no vestido guardado
rasgar quimeras;
outro mar inundou
derradeiras lágrimas.


Ana Wagner

2 comentários:

Joaquim Marques disse...

Aninha,
poeta e minha amiga,
ando distante e arredio, mas consegui com isto ganhar uma boa surpreza, que foi ler estes versos neste seu novo projecto.
A qualidade do seu versejar mantém-se, por isso não admira os elogios que fui lendo nos comentários aqui publicados.
És uma poeta de mão cheia amiga Aninha, e eu fico contente por ser teu amigo.
Beijo, Joaquim

wado disse...

Oswaldo Antônio:
aninha, bonita tua poesia Violetas Douradas...
são podiam ser douradas mesmo, foram plantadas nos olhos do sol..
obrigado..
bjos.w

Ao anônimo leitor!

Gostaria de fazer
um agradecimento
aos inúmeros leitores
anônimos que me visitam
diariamente. São pessoas
de lugares distantes ou
próximos que passam
por aqui diariamente.
Obrigada anônimo leitor!

Tempo