31 de jan de 2008

DOMINGO










DOMINGO

Badalo de sinos
deserto
cortinas fechadas
encontro marcado
abortado
cidade vazia
boêmia e vadia
o tempo girando
súbito milagre:
alvorada
saudando outro dia
silêncio eloquente
o apanhador de palavras
silente

Ana Wagner

3 comentários:

zealfredo disse...

Domingo!...

Erode Lino Leite disse...

Parabéns, belo poema, bela construção! Bravos.
Enviado por Erode Lino Leite em 01/02/2008 11:58
para o texto: DOMINGO (T840706)

Ramones disse...

consegui visualizar cada palavra,montei um cenario imaginario.Parabens
Enviado por Ramones (Silvio Romão) em 31/01/2008 12:08
para o texto: DOMINGO (T840706

Ao anônimo leitor!

Gostaria de fazer
um agradecimento
aos inúmeros leitores
anônimos que me visitam
diariamente. São pessoas
de lugares distantes ou
próximos que passam
por aqui diariamente.
Obrigada anônimo leitor!

Tempo