9 de jan de 2008

NOITE AZUL










NOITE AZUL.


No abraço
calma acolhida
necessito
colo sereno
dormir e sonhar;
derrame suavemente
o véu azul do olhar,
ilumina com luz lunar
assim esqueço de vez
o medo de amar.

Ana Wagner.

Um comentário:

zealfredo disse...

Romântica, sempre romântica...

Ao anônimo leitor!

Gostaria de fazer
um agradecimento
aos inúmeros leitores
anônimos que me visitam
diariamente. São pessoas
de lugares distantes ou
próximos que passam
por aqui diariamente.
Obrigada anônimo leitor!

Tempo