19 de fev de 2008

REPRISE













Reprise


Alguém vai dançar
aquela música
vibrar naquele encontro
amar sob o céu da praça
numa noite qualquer

o sonho esvoaça
a vida dá o ar da graça
escancarando verdades
depedrando esperanças
num dia qualquer

o sol fere os olhos
milhares de olhares
despindo quimeras
numa noite qualquer

despenca o calendário
abrem-se as janelas
do jardim proibido
e os amantes,
quaisquer,

aprendem a lição
do imaginário.

Ana Wagner

6 comentários:

joshua disse...

I must say that this is one of the very best blogs I've ever visited!

Congrats!

PALAVROSSAVRVS REX

Bentevi disse...

Belíssimo Anna!!!Poetabeijos/bemtevi
Enviado por Bemtevi em 19/02/2008 10:07
para o texto: REPRISE

milla pereira disse...

Explêndida poesia, Ana! Parabéns, querida Poetisa. Abraços, Milla.
Enviado por Milla Pereira em 19/02/2008 16:46
para o texto: REPRISE

kolemar disse...

Que lindo poema. Gostei imensamente , lindo. KOlemar RIos
Enviado por Kolemar Rios em 19/02/2008 21:43
para o texto: REPRISE

oswaldo disse...

Oswaldo Antônio:
Bom dia Aninha,
Poeminha??? Meu Deus!!!!!!!!
eu quero dançar aquela música, amar sob o céu da praça.....eu quero..
Tenha um bom dia..
bjos.w

Jeovane disse...

Jeovane:
Obrigado querida, sua "Reprise" é linda. Assim como vc, um pouco imenso. rs

Um terno abraço.
Responder

Ao anônimo leitor!

Gostaria de fazer
um agradecimento
aos inúmeros leitores
anônimos que me visitam
diariamente. São pessoas
de lugares distantes ou
próximos que passam
por aqui diariamente.
Obrigada anônimo leitor!

Tempo