13 de mar de 2009

FANTASIA










FANTASIA


Invisíveis máscaras
Fizeram colorido coração
Iluminaram o sorriso,
Douraram horizontes.

Dormir agora,
Deixar sonhos vazios.

Emoção gelada
Sem acelerar coração
Imagem de sonho.

Nega a vida, dor.
Doces lembranças
Dores amargas.
Emoções intensas.

Realidade saltou nas mãos!

Ana Wagner

9 comentários:

MVA disse...

Muito bonito!!!! Abraços!
Enviado por MVA em 13/03/2009 04:27
para o texto: FANTASIA (T1483070

Xilef disse...

Magnífico poema... o que seria de nós se não fosse os momentos de fantasia... parabéns pela bela inspiração. Grande abraço.
Enviado por Xilef em 12/03/2009 17:06
para o texto: FANTASIA (T1483070)

Helio disse...

Hehe, o template é mérito do criador do blog, que até agora não postou nada. Eu nem sabia o que era template antes de ouvi-lo dizer sobre.

Infelizmente, não é o vocabulário que faz o poeta... enfim... "meu" blog era pra ser de quadrinhos, Capitão Estranho é um personagem que eu mais dois amigos criamos.

Mas, até agora, só eu estou postando...

Helio disse...

Tu escreves muito sobre a mulher também...
É claro - eu apenas contemplando pasmo.

Márcio B. S. disse...

Às vezes com os sonhos vêm velhos fantasmas...

WRAMOSS disse...

Poema magistral ! Simplesmente magistral ! Um abraço e parabéns.
Enviado por WRAMOSS em 18/03/2009 22:01
para o texto: FANTASIA (T1483070)

Silvia Regina disse...

alo poeta **************** como vai, menina?***** poema intenso.. quando saímos dos sonhos para a realidade nem sempre o acordar é muito desejável.******* Um beijo azul com saudades
Enviado por Silvia Regina Costa Lima em 18/03/2009 21:59
para o texto: FANTASIA (T1483070)

Mário Roberto disse...

Esplêndido, Ana, parabéns. Beijos, Mario.
Enviado por Mario Roberto Guimarães em 15/03/2009 09:08
para o texto: FANTASIA (T1483070)

Teresadapraia disse...

Aninha..(posso te chamar assim?....é que tua fisionomia é tão doce e tão querida.......) Sim...são nossos devaneios, são nossas fantasias que douram....que colorem nossos horizontes com certeza, estás certíssima.....e são eles que nos lembram sempre que tudo o que fica pronto na vida antes foi construído na alma.....mesmo que por vezes, quando acordamos a realidade nos assusta.....mas pelo menos nossa alma estará mais leve....e na maciez vai poder digerir melhor um cotidiano mais sombrio....de perdas, de dores...e de desenganos! Linda poesia Aninha!
Enviado por Teresapraia em 29/03/2009 14:32
para o texto: FANTASIA (T1483070)

Ao anônimo leitor!

Gostaria de fazer
um agradecimento
aos inúmeros leitores
anônimos que me visitam
diariamente. São pessoas
de lugares distantes ou
próximos que passam
por aqui diariamente.
Obrigada anônimo leitor!

Tempo